terça-feira, 18 de março de 2014

Até o Fim (anotações)

- Interessante o filme começar já com o acidente, sem muita apresentação de personagem, etc. É basicamente um filme de ação - mas uma ação lenta, onde o protagonista está sempre calmo, e nada de muito extremo pode acontecer (não é como Gravidade onde o ambiente é extremamente hostil).

- Filme se passa em ambiente interessante e protagonista é admirável de certa forma - tem experiência e toma decisões inteligentes pra se salvar. Isso torna tudo mais assistível.

- Será que vai ser só ação o filme inteiro? Como o filme é lento e é protagonizado por um senhor respeitável, dá a impressão de ser algo mais profundo, mas se você for pensar, até Velozes e Furiosos tem mais conteúdo que esse filme.

- Muito bem feita a primeira sequência da tempestade (barco capotando, etc)!

- Recusa do filme de discutir valores, ter um tema abstrato, é uma forma de desintegração. Filme quer apenas registrar passivamente um acontecimento físico, sem dizer nada a respeito dele. Até o estilo é neutro e não transmite muitos valores. Ver alguém apenas querendo sobreviver fisicamente não é interessante se não sabemos nada a respeito do personagem. Ele tem uma esposa pra quem quer voltar? Uma carreira pra perseguir? Algum conflito interno? Além disso Redford está sempre tranquilo, como se não estivesse muito preocupado se vai viver ou morrer. Isso faz o espectador sentir a mesma coisa - não estou preocupado se ele vai viver ou morrer.

CONCLUSÃO: Produção de classe que chama atenção por ter apenas 1 ator e quase nenhuma fala, mas que no fim das contas é um filme de ação vazio e sem emoção.

(All Is Lost / EUA / 2013 / J.C. Chandor)

FILMES PARECIDOS: Gravidade, A Perseguição, Náufrago.

NOTA: 5.0

Nenhum comentário: