quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Os melhores filmes brasileiros

Falando de forma generalizada, não sou grande fã do cinema nacional e acho que bons filmes brasileiros são raras exceções. Até por isso não sou nenhum perito no assunto - não sou de ver filmes por obrigação cultural (em especial aqueles do cinema novo, do cinema marginal - Glauber Rocha, Sganzerla, Bressane - assisti vários durante um período de formação, mas depois que entendi por que não gostava deles, ficou difícil continuar vendo). De qualquer forma, registro aqui algumas lembranças positivas do cinema brasileiro:

(sem ordem de preferência)

Antigos:

 
Floradas na Serra (1954)
Pra mim o melhor dos antigos e o único que se parece de fato com um clássico do cinema. Até pela raríssima aparição nas telas de Cacilda Becker (o mito dos palcos) numa performance inesquecível que lembra até os momentos mais românticos de Greta Garbo.







 
O Homem do Sputnik (1959)
Uma das sinopses mais divertidas: um satélite que parece ser o Sputnik cai no quintal de um caipira matando algumas galinhas - ele tenta negociar o satélite pra recuperar o prejuízo, mas acaba chamando a atenção de espiões internacionais (!). Com Oscarito e a fantástica Zezé Macedo.







 
O Beijo da Mulher-Aranha (1985)
Co-produção entre Brasil e EUA, foi o primeiro filme independente indicado ao Oscar de Melhor Filme, e William Hurt foi o primeiro a ganhar o Oscar de melhor ator interpretando um personagem abertamente gay. Dirigido por Hector Babenco. Para os desavisados, não há de fato "mulheres-aranha" no filme.






 
O Cangaceiro (1953)
Considerado o melhor filme produzido pela Companhia Cinematográfica Vera Cruz, foi o primeiro brasileiro que fez sucesso ao redor do mundo (após ter sido premiado em Cannes). Dirigido por Lima Barreto, foi inspirado na figura de Lampião.







Retomada:

 
Lavoura Arcaica (2001)
Este é talvez o filme brasileiro mais impressionante que eu já vi. É um filme denso, longo, difícil de assistir, mas extremamente gratificante. Um dos textos mais ricos que já vi num filme, grandes performances de Raul Cortez, Selton Mello, e é tecnicamente impecável.







 
O Homem que Copiava (2003)
Adoro a criatividade e o entusiasmo de Jorge Furtado, autor de Ilha das Flores, o curta-metragem mais conhecido do Brasil. Além disso ele é um dos poucos cineastas brasileiros que valorizam enredo e trama.








 
Cidade de Deus (2002)
Não sou fã desse tipo de filme, mas reconheço a força e a originalidade de Cidade de Deus, que influenciou tudo o que veio depois. Foi indicado a 4 Oscars e é o 18o melhor filme de todos os tempos segundo os usuários do IMDb.








 
2 Filhos de Francisco (2005)
Tem gente que mistura as coisas e acha que o filme tem que ser "brega" por se tratar da história de Zezé di Camargo & Luciano. Mas a verdade é que o filme podia ser até sobre o Tiririca que ainda seria excelente; histórias de sucesso são universais e essa é especialmente bem contada e emocionante.










Hoje Eu Quero Voltar Sozinho (2014)
Meu atual filme brasileiro favorito. Simples, singelo, inspirador, um acerto completo em termos de roteiro, elenco, direção, contando uma história tocante de amor entre 2 garotos de forma bastante universal.









Bingo - O Rei das Manhãs (2017)
Além de ser uma das melhores premissas do cinema nacional dos últimos anos, é também o filme nacional mais bem realizado dos últimos anos. Tudo é um acerto, desde a performance fenomenal do Vladimir Brichta, até a trilha sonora 80's, a direção de arte, os efeitos gráficos fazendo referências a VHS, a fotografia, edição, etc. Uma produção nível Oscar certamente.







OUTROS:

- Super Xuxa Contra o Baixo-Astral (1988)
- Sonho de Verão (1990)

PÓS ANO 2000:

- A Dona da História (2004)
- Ó Paí, Ó (2007)
- Tropa de Elite (2007)
- Saneamento Básico, o Filme (2007)
- Última Parada 174 (2008)
- De Pernas pro Ar (2010)
- Tropa de Elite 2 (2010)
- O Lobo Atrás da Porta (2013)
- Minha Mãe É uma Peça: O Filme (2013)
- Trinta (2013)
- Faroeste Caboclo (2013)
- Mais Forte que o Mundo: A História de José Aldo (2016)


Agora, uma lista com outros grandes filmes brasileiros segundo a crítica e o público (estes não representam o meu gosto pessoal):

Limite (1931)
Ganga Bruta (1933)
Rio, 40 Graus (1955)
O Pagador de Promessas (1962)
Os Cafajestes (1962)
Assalto ao Trem Pagador (1962)
Vidas Secas (1963)
Deus e o Diabo na Terra do Sol (1964)
São Paulo, Sociedade Anônima (1965)
Todas as Mulheres do Mundo (1966)
Terra em Transe (1967)
O Bandido da Luz Vermelha (1968)
Macunaíma  (1969)
O Dragão da Maldade Contra o Santo Guerreiro (1969)
Dona Flor e Seus Dois Maridos (1976)
Pixote - A Lei do Mais Fraco (1981)
Central do Brasil (1998)
O Auto da Compadecida (2000)
O Invasor (2001)
Bicho de Sete Cabeças (2001)
Carandiru (2002)
2 Coelhos (2012)
O Som ao Redor (2012)

Que Horas Ela Volta? (2015)
Chatô, o Rei do Brasil (2015)
Aquarius (2016)

CONFIRA OUTRAS LISTAS:


Os melhores filmes de terror
Os melhores filmes de comédia
Os melhores filmes românticos
Os melhores filmes de ficção-científica
Os melhores piores filmes
Os melhores filmes de suspense
Os melhores musicais do cinema
Os melhores filmes cult
Os melhores filmes brasileiros
Os melhores filmes de natal
Os melhores filmes gays
Os melhores filmes para a família
100 Grandes Filmes
Os Piores Filmes
Netflix - Os Melhores Filmes

14 comentários:

renatocinema disse...

Sonho de Verão na lista é o único indiscutível. É ruim demais.

O resto eu gosto da grande maioria.

Concordo quando diz que alguns filmes "clássicos" são um pouco chatos, Glauber Rocha as vezes é díficil de assistir. Mas, Sonho de Verão é o único na lista imperdoável.kkk

Laura Catta Preta disse...

Não vc vai ser linxado pq a Xuxa NÃO fez sonho de verão haha, só as paquitas!
Mas adoro! Meu favorito era Super Xuxa contra o baixo astral.

Dos velhos faltou só (pra mim) Simão, o caolho, um filme que eu vi num aula e nunca mais achei ele.

Caio Amaral disse...

Hehe... Pensei em Lua de Cristal, que é inassistível, em Super Xuxa Contra o Baixo-Astral, mas esse eu lembro pouco.. Os dos Trapalhões não vi direito... Enfim, todo são de péssima qualidade artística, mas o que eu gosto é da fantasia, da inocência, que não existe em nenhuma outra parte do cinema brasileiro que eu saiba.

Laura... Cada filme que você acha... Simão, o Caolho?! É infantil?

Nero disse...

Cidade de Deus me quedo con esta buena selección

CARBAMAZEPINA disse...

Meu, e o "Assalto ao Trem Pagador" e o "Bandido da Luz Vermelha"? Humpf....

Caio Amaral disse...

"Bandido da Luz Vermelha" é do Sganzerla, já disse que não gosto dele e do cinema marginal. "Assalto ao Trem Pagador" eu nunca vi mas me parece mais interessante..!

Anônimo disse...

faltou lisbela e o prisioneiro, uma comédia romântica muito bem retratada

Anônimo disse...

por favor, não colocar tropa de elite 1 e principalmente o 2 entre os tops???. Essa seleção só tem filmes antigos, os filmes atuais estão aí, mostrando q o brasil sabe sim faze filmes bons.

Caio Amaral disse...

Pretendo expandir essas listas em breve. Achei muito bem feito o Tropa de Elite 2.

kaulitz disse...

esqueceu de "central do brasil"

e a comédia "O Auto da compadecida" que reendeu muitas risadas (:

e talves o maior classico brasileiro 'Vidas Secas' um filme que tem um cachorro chamado BALEIA'

Caio Amaral disse...

Oi kaulitz, todos esses 3 filmes eu citei na lista que está no final da postagem, abs!

Fernanda Sombrio disse...

Macunaíma (1969) de Joaquim Pedro de Andrade também óootimo! =)

Anônimo disse...

também é** hehe

Anônimo disse...

2 coelhos
o bem amado